Parcelamentos em até 6X no cartão de crédito
Imaplente Bioimpedancia Gratis

gratis impedancia todas paginas

Como é feito a aplicação do Implante Hormonal Masculino?

APLICAÇÃO DO IMPLANTE HORMONAL


Procedimento de

40

minutos.

Os implantes hormonais são inseridos preferencialmente em região glútea, em tecido subcutâneo, sob anestesia local, por um profissional médico devidamente qualificado.

O procedimento de implantação dura em média trinta minutos, é indolor - já que é feito com anestesia local - e não apresenta restrições. Após a implantação, o hormônio é liberado gradativamente na corrente sanguínea, de maneira segura e com dosagem personalizada, por um período de seis a dez meses ou mais.

Nos homens são colocados na região glútea.

Fases do Tratamento com Implante Hormonal

1º Consulta e diagnóstico

O paciente deve passar por uma consulta médica, que definirá por meio de exames físicos e laboratoriais em hormônios corporais como tireoide, testosterona e derivados. Deve haver elementos que indiquem a deficiência hormonal.

2º Análise dos Exames

Todos os dados coletados serão analisados pelos médicos e se necessário haverá a reposição hormonal ao paciente.

3º Tratamento e Acompanhamento

Você poderá acompanhar o seu tratamento de forma clara e objetiva. Com o decorrer do tratamento você terá um aumento considerável dos hormônios, melhorando vários aspectos do seu corpo e saúde.

Efeitos colaterais menores

Os Implantes Hormonais de testosterona são bio idênticos, o que significa que são iguais aos hormônios produzidos pelo próprio organismo, no que diz respeito à estrutura molecular. Eles causam efeitos colaterais consideravelmente menores do que os desconfortos gerados pelos hormônios sintéticos utilizados nos tratamentos convencionais.
Saiba mais sobre os problemas que o

IMPLANTE HORMONAL auxilia no Tratamento

  • Queda de Cabelo

    A perda de cabelo pode afetar apenas o couro cabeludo ou todo o seu corpo. Pode ser o resultado de hereditariedade, alterações hormonais, condições médicas ou medicamentos. Qualquer pessoa pode experimentar perda de cabelo, mas é mais comum em homens.

    As pessoas geralmente perdem cerca de 100 fios por dia. Isso geralmente não causa redução significativa do cabelo do couro cabeludo porque o cabelo novo está crescendo ao mesmo tempo. A perda de cabelo ocorre quando este ciclo de crescimento e descamação do cabelo é interrompido ou quando o folículo piloso é destruído e substituído por tecido cicatricial.

    O tratamento com implante hormonal vai diminuir drasticamente a queda de cabelo por causa da reposição hormonal que o implante faz.
  • Hipogonadismo

    Conhecida como Andropausa ou DAEM -Deficiência Androgênica do Envelhecimento Masculino.

    Veja como o Implante Hormonal ajuda:

    • Prolongamento da vida útil, social, sexual e profissional;
    • Diminuição dos riscos de morte antecipada por doenças degenerativas;
    • Preservação da musculatura, ossos fortes e voz grossa, além da virilidade e vigor físico, o que caracteriza a essência masculina;
    • A testosterona preserva a memória, principalmente dos que estão na meia-idade. Além disso, mantém ativado o sistema imunológico, evitando viroses e infecções, e acelerando o processo de recuperação de lesões e ferimentos;
    • Previne os efeitos da andropausa: dores de cabeça, pele ressecada e flácida, anemia, apatia e depressão;
    • Previne a arteriosclerose, regulando a produção do bom colesterol (HDL), diminuindo o colesterol ruim (LDL) e, assim, evitando ataques do coração decorrentes do acúmulo de placas;
    • Evita a impotência sexual, quando causada por problemas de desequilíbrio hormonal;
    • Manutenção da libido (apetite sexual);
    • O tratamento também diminui o nível do hormônio do estresse "cortisol".
  • Distúrbios Hipogonadais

    • Ginecomastia - Caracterizada pelo aumento de uma ou das duas glândulas mamárias masculinas. Pode ser causada pelo predomínio do estrogênio (hormônio feminino) sobre a testosterona;
    • Infertilidade - originária de distúrbios da espermatogênese - Quando ocorre algum tipo de problema durante o processo de espermatogênese. É tratada frequentemente através de terapia de reposição hormonal;
    • Osteoporose - Pode ser causada pelo não tratamento da deficiência de testosterona. A doença é caracterizada pela diminuição da densidade mineral óssea e pode aumentar os riscos de fraturas. Pode ser mais agravada devido à diminuição da massa muscular, também causada pela falta de testosterona;
    • Síndrome Metabólica / Diabetes - A deficiência de testosterona é um dos fatores associados ao aumento do risco do desenvolvimento de Diabetes tipo 2;
    • Anemia - A testosterona também é responsável por estimular a produção de glóbulos vermelhos (hemácias). Quando há uma queda na produção de testosterona, os homens apresentam anemia.
  • Queda lenta de testosterona

    Comum ocorrer em homens, após os 25 anos de idade apresentando estes sintomas:

    • Queda da libido;
    • Disfunção erétil;
    • Fraqueza;
    • Tristeza;
    • Insônia e mau-humor
  • Disfunção Erétil

    É a incapacidade do indivíduo de manter ou iniciar uma ereção satisfatória para o ato sexual. Quando causada por problemas de desequilíbrio hormonal, pode ser tratada com terapia hormonal.

Melhore a qualidade de Saúde e de Vida com

IMPLANTE HORMONAL PARA HOMENS

Alameda dos Maracatins, 1435
7º Andar CJ.706 | Moema 04089-015 São Paulo/SP
Tel. (11) 3428-8606
contato@
implantehormonalmasculino.com.br
Clínica com 40 anos de atuação na área, estrutura completa para o seu melhor atendimento e conforto. O cuidado e especialista que você merece!
Todos os direitos reservados 2019 @ IMPLANTE HORMONAL PARA HOMENS MPLIFE.
JGWEB - Criação de Sites, SEO e Marketing